Caso Ana Sophia: osso e tecido com sangue são encontrados em mata

9 dez 2023 - Destaques

Seguem as buscas para localizar e identificar o corpo de Ana Sophia, desaparecida desde o último dia 4 de julho após sair para brincar com uma amiga. Nesta sexta-feira (8), um osso e um tecido com sangue foram encontrados em uma região de mata em Bananeiras – cidade onde a menina foi vista pela última vez.

As diligências com objetivo de localizar o corpo da garota de oito anos foram feitas numa localidade que fica no trajeto entre o trabalho e a casa de Tiago Fontes, único suspeito de matar a criança e que foi encontrado morto no dia 9 de novembro (a perícia concluiu que ele se suicidou).

De acordo com o advogado da família de Ana Sophia, Roberto Bastelli, que esteve no local, inicialmente não é possível afirmar que o osso e o sangue seriam da menina. Uma perícia da polícia deve ser realizada nos itens para confronto de DNA.

Além disso, segundo o advogado, que também participa das buscas pelo corpo de Ana Sophia, o material encontrado estava numa região de difícil acesso durante o período do mês de julho. Os materiais só puderam ser encontrados porque o nível da água de um riacho que há no local está baixo.

Buscas pelo corpo de Ana Sophia

A polícia e corpo de bombeiros intensificou as buscas pelo corpo de Ana Sophia, após encontrar o corpo Tiago Fontes, único suspeito de ter cometido o crime contra a criança. Apesar de o suspeito não ter sido capturado em vida, a polícia conseguiu levantar informações de que ele teria matado a garota e ocultado seu corpo.

Uma perícia foi realizada no celular de Tiago e constatou buscas por estágios de decomposição do corpo humano. Além disso, ele realizou buscas na internet também sobre DNA e quanto tempo é necessário para um fio de cabelo perder a capacidade de ser identificado.

MaisPB